terça-feira, 4 de outubro de 2016

SETEMBRO

A sessão de 2 de setembro foi à volta do livro ”Desumanização” de Valter Hugo Mãe.

Mas a conversa à volta das leituras do período do verão, dominou este momento de partilha, pelo que retomaremos a conversa sobre o livro de Valter Hugo Mãe na próxima sessão do grupo, que será no dia 14 de Outubro.

Pode encontrar outras sugestões de leitura do Clube de leitura da BMBEJA, no expositor no átrio da entrada da Biblioteca Municipal.

Aqui fica a nossa sugestão.
Boas leituras!

segunda-feira, 16 de maio de 2016

A sessão de 7 de maio (sábado) foi especial.
Aconteceu no dia do aniversário de Fialho de Almeida, uma conversa em torno do livro “O país das uvas”, na Vila de Cuba, numa colaboração com a Biblioteca Municipal da Cuba e a Associação Fialho de Almeida.
Nesse dia recriámos uma tradição da primavera na Cuba - a romaria à Quinta da Esperança, onde fomos muito bem recebidos pelos atuais donos e pela Banda Filarmónica de Cuba.

Após uma intervenção inicial da Presidente da Associação Fialho de Almeida e responsável pela Biblioteca Municipal de Cuba – Drª Francisca Bicho, decorreu a conversa em torno do livro de Fialho de Almeida, que foi complementada com intervenções de pessoas da Cuba que estavam presentes na sessão.

Para a sessão de Abril, no dia 3 de junho (sexta) o livro de leitura comum será:
·         “Contos de S. Petersburgo”, de Nikolai Gógol , 1809-1852

Pode encontrar outras sugestões de leitura do Clube de leitura da BMBEJA, no expositor no átrio da entrada da Biblioteca Municipal.

Aqui fica a nossa sugestão.

Boas leituras!

terça-feira, 3 de maio de 2016

Vimos convidá-las(os) para participar na sessão especial do Clube de leitura da nossa biblioteca.

No dia 7 de maio (sábado), dia do aniversário de Fialho de Almeida, vamos fazer a sessão do Clube de leitura da BMBEJA, cujo livro de leitura comum é “O país das uvas” de Fialho de Almeida, na Vila de Cuba, em colaboração com a Biblioteca Municipal da Cuba e a Associação Fialho de Almeida.
Iremos recriar uma tradição de Cuba que consiste numa romaria à Quinta da Esperança, na primavera.

PROGRAMA:
14h00 – Partida para Cuba - ponto de encontro em frente à Biblioteca Municipal de Beja.
14h30 – Chegada à Cuba - ponto de encontro no Largo do Tribunal de Cuba.
15h00 – Inicio da romaria a pé até à Quinta da Esperança, acompanhados pela Banda da Sociedade Filarmónica Cubense 1ª de Maio.
15h30 – Recepção dos donos da Quinta da Esperança. Exibição da Banda da Sociedade Filarmónica Cubense 1ª de Maio e do grupo Ceifeiros de Cuba.
16h30 – Visita guiada à Casa Museu Conde da Esperança.
17h00 – Sessão do CLUBE DE LEITURA DA BIBLIOTECA MUNICIPAL DE BEJA no salão de visitas da Quinta da Esperança – inclui uma intervenção inicial da Presidente da Associação Fialho de Almeida e responsável pela Biblioteca Municipal de Cuba – Drª Francisca Bicho.
18h30 – Picnic nos jardins da Quinta da Esperança – a ideia é levar farnel e partilhar o que levarmos (se possível levem mantas de retalho e toalhas de picnic para podermos estender no chão)




segunda-feira, 11 de abril de 2016

CLUBE DE LEITURA – ABRIL

A conversa à volta do livro de leitura comum escolhido para a sessão de 8 de Abril “O Mendigo e outros contos”, de Fernando Pessoa, foi bastante polémica.
Uma pessoas tiveram dificuldade em reconhecer o estilo de contos nas narrativas lidas neste livro, assim como a escrita genial de Fernando Pessoa, enquanto outras encontraram em algumas partes dos textos, a transcendência do pensamento de Fernando Pessoa.

Para a sessão de Abril, no dia 7 de Maio (sábado) o livro de leitura comum será:
·         “O país da uvas”, de Fialho de Almeida

Pode encontrar outras sugestões de leitura do Clube de leitura da BMBEJA, no expositor no átrio da entrada da Biblioteca Municipal.

Aqui fica a nossa sugestão.

Boas leituras!

quarta-feira, 16 de março de 2016


A conversa à volta do livro de leitura comum escolhido para a sessão de 4 de março “Contos”, de Vergílio Ferreira, foi muito animada.
Foram também partilhadas as impressões sobre “Vergílio Ferreira: entre o silêncio e a palavra total”, congresso internacional comemorativo do centenário do nascimento de Vergílio Ferreira (1916-2016), que decorreu na Universidade de Évora entre o dia 29 de fevereiro e 2 de março.

Destacou-se entre todos os participantes o prazer na leitura da escrita de Vergílio Ferreira, um escritor em que a procura da compreensão ou interrogação sobre a natureza humana se materializa na utilização da palavra certa – a palavra total.

Para a sessão de Abril, no dia 8 de Abril (sexta feira-21h00) o livro de leitura comum será:
·         “O Mendigo e outros contos”, de Fernando Pessoa

Pode encontrar outras sugestões de leitura do Clube de leitura da BMBEJA, no expositor no átrio da entrada da Biblioteca Municipal.

Aqui fica a nossa sugestão.

Boas leituras!

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016


A conversa em torno do livro “O homem do turbante verde, e outras histórias”, de Mário de Carvalho, foi muito animada, não só pelas características da obra contistica do autor, onde as referências do imaginário e linguagem da literatura clássica e a constante modernidade dos temas são um desafio para o leitor, como também pelas diferentes leituras que nos surpreendem sempre.

O livro comum escolhido para a próxima sessão (dia 4 de março) é: “Contos”, de Vergílio Ferreira.

Para a sessão de Abril, que proponho que em vez de ser no dia 1 de Abril, seja no dia 8 de Abril, o livro comum será: “Mendigos e outros contos”, de Fernando Pessoa

Na sequência da Conferência do Professor Roberto Perez, no passado dia 6 de fevereiro aqui na biblioteca, sobre "O Conde compositor da Quinta da Esperança, Cuba. Factos e mistérios", ficámos a conhecer o gerente da Quinta – Stevan Lekitsh, e como ele disse que tinham na quinta uma biblioteca com livros raros e outras preciosidades, ficou desde logo a ideia de irmos à Quinta fazer uma sessão do Clube de leitura.
Nesta sessão do Clube de leitura, que ficou agendada para o dia 7 de maio (sábado) – Dia do nascimento de Fialho de Almeida, sendo que o livro para essa sessão é “O pais das uvas”, contos de Fialho de Almeida, estamos a tentar organizar com a Biblioteca de Cuba /Profª Francisca Bicho, outras actividades para esse dia, tentando recriar uma tradição em Cuba, do Dia da Espiga (que é dia 5 de maio – Feriado Municipal em Beja) em que a banda da Cuba ia tocar na Quinta da Esperança e se fazia também um piquenique.

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Continuamos a ler...

Na última sessão lemos a "A nova teoria do mal" de Miguel Real, edição D. Quixote. Foi mais um serão em que o tema deu para muita conversa pois as opiniões dividem-se. O escritor está zangado e não o esconde. Pior do que isso: está revoltado. Esta Nova Teoria do Mal é um ensaio filosófico:

"Este é um pequeno livro de Filosofia sobre a origem e as consequências do mal, que tenta explicar por que razão a acção de um homem com poder que humilha outro, retirando-lhe direitos, confere prazer interior a esse homem. A motivação do autor prende-se com o facto de, por exemplo, um ministro que corta do orçamento as verbas para transplantes estar indirectamente a contribuir para a morte de vários indivíduos, sem, no entanto, alguém poder dizer que esse ministro era um homem mau. Mas, na verdade, as consequências do seu acto têm o mesmo efeito de um assassínio. Livro polémico, que nos ajuda a perceber que o mal não é só aquilo que pensamos."


Uma espécie de actualização das teses de Hannah Arendt, a filósofa judia alemã que criou o conceito de "banalidade do mal", aquele princípio que tornou possível haver pessoas comuns a fazerem com que tudo funcionasse na perfeição de modo a que os comboios que levavam gente para os campos de concentração nazis andassem a horas. (in : http://www.tsf.pt/Programas)


Miguel Real é romancista, crítico literário e professor de Filosofia. 













Conheça alguns livros deste autor na sua Biblioteca:









Na próxima sessão iremos ler "As intermitências da morte" de José Saramago.













Aceite a nossa sugestão.
Partilhamos consigo o prazer da leitura!